glossario

Glossário

A
ATENÇÃO – Processo cognitivo que abrange mecanismos responsáveis pela seleção, inibição, alternância e sustentação de estímulos. Definida como o conjunto de processo multifatorial que possibilita processar informações, pensamentos ou ações relevantes, enquanto ignora outras irrelevantes ou dispersivas.

Atenção Alternada – É a capacidade de responder cognitivamente a tarefas múltiplas e que necessitem de comportamentos e respostas diferentes.
Atenção Seletiva – Capacidade do indivíduo privilegiar determinados estímulos em detrimento de outros.
Atenção Sustentada – Capacidade do indivíduo em manter-se atento de forma continuada e consistente ao longo do tempo.

F

 

FUNÇÕES EXECUTIVAS – Conjunto de comportamentos que permitem ao individuo interagir com o meio, de maneira integrada e intencional baseado em experiências prévias, podendo assim adequar certo comportamento a uma situação específica diferente. As funções executivas podem ser divididas entre quatro subconjuntos:
1 – A volição é a capacidade de estabelecer objetivos. Para essa formulação intencional, é necessária a motivação e consciência de si e do ambiente.
2 – O planejamento é a capacidade de organizar e prever ações para atingir um objetivo. A habilidade de planejar requer capacidade para tomar decisões, desenvolver estratégias, estabelecer prioridades e controlar impulsos.
3 – A ação intencional é a efetivação de um objetivo e planejamento, gerando uma ação produtiva. Para isso, é necessário que se inicie, mantenha, modifique ou interrompa um conjunto complexo de ações e atitudes integrada e organizadamente.
4 – O desempenho efetivo é a capacidade de automonitorar, autodirigir e auto-regular a intensidade, o ritmo e outros aspectos qualitativos do comportamento e da ação, ou seja, é um controle funcional. A realização de tarefas diárias e o convívio social adequado requerem a integridade das funções executivas.

 

 

L
LINGUAGEM – Processo mental de manifestação do pensamento e de natureza essencialmente consciente, significativa e orientada para o contato interpessoal.

 

M
MEMÓRIA – É a capacidade de adquirir, armazenar e recuperar informações disponíveis.
Memória de longo prazo declarativa (explicita): Subdividida em memória episódica – lembranças de acontecimentos específicos ememória semântica – conhecimentos gerais.

Memória de longo prazo não-declarativa (implícita): Também chamada procedural, inclui procedimentos motores (como andar de bicicleta). Em geral requer mais tempo para ser adquirida, mas é bastante duradoura.

Memória de curto prazo: Pode ser subdividida em memória de curto prazo imediata (repetição imediata de estímulos apresentados em um intervalo de poucos segundos) e memória de curto prazo operacional ou de trabalho (manutenção temporária e manipulação mental de informações durante o desempenho de tarefas).

 

P
PERCEPÇÃO – A percepção é um conjunto de processos que utiliza o nosso conhecimento prévio para reunir e interpretar os estímulos registrados pelos nossos sentidos. Ela combina tanto aspectos do mundo exterior (estímulos visuais), como do interior (conhecimento prévio). Através desses conjuntos de processos é que reconhecemos, organizamos e entendemos as sensações que recebemos dos estímulos ambientais.

1 responder

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *